FSM News

Depois de adquirir Damai, o Alibaba Group não poderia simplesmente obter o suficiente uma vez que planeja a criação de um hub logístico na Malásia. O gigante chinês do comércio eletrônico tem explorado oportunidades dentro e fora da China como parte de seu esquema estratégico depois de inflamar o interesse dos investidores em seus dados financeiros anteriores. A ação esteve ligeiramente inalterada do intervalo atual; entretanto, os investimentos recentes ainda podem atingir as áreas de crescimento da emprea à medida que se expandem para atingir o crescimento de longo prazo.

Alibaba e Damai

Em meio à queda da ação na terça-feira, a Alibaba anunciou a aquisição da plataforma chinesa de ingressos online, Damai, para fortalecer seus negócios de mídia e entretenimento. No último trimestre, as receitas da empresa de mídia digital e entretenimento aumentaram 273% ano a ano para RMB 4,063 milhões (US$ 585 milhões.) Esta área de negócios específica contribuiu para a obtenção de US$ 4,9 bilhões em fluxo de caixa livre em uma base não-GAAP.

No comunicado divulgado pela Alibaba, ela explicou que "Damai.cn será uma plataforma poderosa para distribuir nosso conteúdo de mídia, bem como expandir o nosso alcance e compromentimento com os usuários. Haverá amplas oportunidades de colaboração com nossos outros ativos de entretenimento, incluindo Alibaba Music, Alibaba Pictures e Youku. "Claramente, a empresa investe em suas áreas de crescimento e aprimora seus próprios serviços.

Antes disso, a Alibaba mencionou em seu relatório de resultados divulgado em Janeiro seu objetivo de manter sua posição competitiva no entretenimento digital na China através de uma combinação de conteúdo premium licenciado, como também na progamação autoproduzida e produzida em conjunto, buscando sinergias entre as plataformas de entretenimento em telas de celulares e salas de estar.

Os detalhes da aquisição, incluindo o valor total, permaneceram não revelados. A Alibaba acreditou que o negócio pode conduzir às colaborações ainda maiores após seu investimento inicial na Damai há três anos. A empresa de comércio eletrônico vai liderar os serviços de ingressos on-line para shows, eventos esportivos, teatro, filmes e outros eventos em mais de 300 cidades quando o negócio entra em vigor.

 FSMNews

No entanto, os investidores pareciam não terem gostado da recente atividade da Alibaba. Depois de escalar para 107,87 pontos na segunda-feira, ela foi arrastada para 104,96 durante a sessão da noite de terça-feira. A ação espelhou-se na sua variação da semana passada, mas ainda está em sua tendência altista desde Janeiro.

Alibaba na Malásia

 FSMNews

Enquanto isso, a empresa continua solidificando seu núcleo com o mais novo hub logístico a ser construído na Malásia, que servirá como um despacho aduaneiro centralizado, armazenagem e instalação de cumprimento na Malásia e na região. Espera-se que o hub entregue um despacho mais rápida para as importações e exportações, uma vez que estaria situado na zona de livre comércio digital definida para ser desenvolvida perto do Aeroporto Internacional de Kuala Lumpur.

No último trimestre, a Alibaba prometeu continuar a investir na infra-estrutura de comércio em mercados emergentes, como o Sudeste Asiático, para expandir as oportunidades dos comerciantes e consumidores e capturar o potencial de crescimento a longo prazo do comércio transfronteiriço e local. Parece que as palavras agora estão sendo colocadas em ação junto com as recentes parcerias que a empresa selou em Fevereiro.

No mês passado, a Alibaba anunciou um novo vínculo tático de varejo com o varejista líder na China, Bailian Group. Espera-se que a parceria alavanque o poder de grandes dados para conseguir a integração entre lojas off-line, mercadorias, logística e ferramentas de pagamento com o objetivo final de elevar a eficiência e a experiência geral do consumidor.

Depois da abertura da bolsa, a ação da Alibaba permaneceu estável em US$ 105,09, declinando 0,29% para US$ 107,79 na sessão pré-mercado. Atualmente, tem uma capitalização de mercado de US$ 259,99 bilhões e relação preço lucro de 48,5.

FSM News fornece informação precisa sobre ações, commodities, índices e o mercado mundial. Inscreva-se agora no nosso boletim diário para receber atualizações de mercado.