FSM News

A empresa de gerenciamento de ativos Blackstone acertou um acordo para adquirir os fundos de investimentos imobiliários (REIT, em inglês) da LaSalle Hotel Properties por US$ 3,7 bilhões, vencendo a oferta de US$ 3,5 bi de outro REIT da Pebblebrook Hotel Trust.

 

A fusão atribui o valor a LaSalle de US$ 33,50 por ação e contabiliza um prêmio de 5% para os proprietários do hotel de luxo no fechamento de preço da sexta.

 

A aquisição em dinheiro da Blackstone, que vale cerca de US$ 4,8 bilhões, incluindo as dívidas, garante a companhia de sede em Nova Iorque uma maior fatia de mercado do hotel, uma vez que o LaSalle tem 41 hotéis em 11 mercados americanos, que são administrados por outro hotel.

 

A empresa de private equity geralmente reorganiza e vende, com lucro, os hotéis e outras propriedades que comprou com um preço mais baixo.

 

O chairman da LaSalle, Stuart Scott, disse que eles acreditam que o acordo está entre os melhores interesses de seus acionistas e representa a culminação de uma avaliação cuidadosa de alternativas estratégicas.

 

Scott declarou que esteve em contato com 20 potenciais compradores e assinou, confidencialmente, contratos com 10 deles antes de aceitar a oferta da Blackstone.

 

Espera-se que o negócio seja fechado no terceiro trimestre, embora já se tenha conseguido a aprovação dos acionistas da LaSalle.

 

Oferta da Blackstone Cobre Oferta da Pebblebrook

 

Com a LaSalle concordando em ser adquirida pela Blackstone, a tentativa da Pebblebrook em comprar a dona dos hotéis americanos pode ter chegado a seu fim.

 

Descrevendo a transação como a oportunidade mais atraente, a LaSalle escolheu a oferta de aquisição de US$ 3,7 bilhões da Blackstone ao invés da oferta de US$ 3,5 bilhões da Pebblebrook’s, que poderia ter valorizado a LaSalle em US$ 35,89 por ação, baseado em seu fechamento da sexta.

 

Comparado com o negócio em dinheiro da Blackstone, a proposta da companhia sediada em Maryland envolveu um máximo de 20% em dinheiro e o resto em ações.

 

A Pebblebrook tem ido atrás da LaSalle pelos últimos dois meses. Ela tinha pedido anteriormente a LaSalle para não entrar em um acordo com uma taxa de rescisão sem antes revisar sua oferta.

 

Se o acordo entrasse em colapso devido a certas razões, a LaSalle e a Blackstone poderiam enfrentar taxas significantes. A LaSalle pode ter que pagar a Blackstone US$ 112 milhões se eles encerrarem o acordo, ou a Blackstone pode terminar pagando US$ 336 milhões para a LaSalle se ela sair da transação.

 

Blackstone Sai da Hilton Worldwide

 FSMNews

Enquanto a Blackstone está entrando em um novo negócio de hotéis, também está lucrativamente deixando outro, conforme anúncio da empresa na sexta sobre a venda de suas últimas ações do hotel e resort da Hilton Worldwide.

 

A decisão da Blackstone de vender as suas últimas ações da Hilton, que estão avaliadas em aproximadamente US$ 1,3 bilhão, é considerada como o negócio de private equity de maior sucesso no mercado imobiliário.

 

A saída da companhia finda 11 anos de um investimento lucrativo na operadora de cadeia de hotéis sediada em McLean. A Blackstone perceberá um lucro de US$ 14 bilhões com sua saída recente, o que quer dizer que mais que triplicaram seu investimento inicial.

 

A Hilton também pretende comprar US$ 1,25 bilhão de ações da Blackstone, como parte do negócio.

 

Quer os últimos acontecimentos do mercado? Receba-as aqui no FSMNews. Inscreva-se agora no FSMNews e tenha sua dose diária de informações sobre forex, commodities, ações, tecnologia, economia e muito mais,