FSM News

 O Chefe-executivo da Campbell Soup, Denise Morrison, saiu da companhia após demitir-se inesperadamente na última sexta-feira. Morrison anuniciou a notícia em meio à divulgação dos resultados de ganhos da companhia com previsões lúgubres para todo o ano

Durante os anos, a Campbell tem tido declínios que podem ser impugnados na súbita mudança no comportamento do consumidor. Este é o mesmo período que Morrison supervisionou a companhia como CEO.

 

Durate a divulgação da notícia, o desempenho de negociação da companhia indicou uma queda de12% que foi considerada como sendo uma mínima de cinco anos para a companhia. Foi também chamado como o pior declínio desde 1999.

As ações da Campbell escorregaram 12% na negociação do meio da trade, atingido uma mínima de mais de cinco anos e colocando-as na trajetória para o pior declínio de um dia desde 1999. A companhias de alimentos como a Campbell têm sido pressionadas uma vez que cada vez mais consumidores afastam-se de produtos processados e aproximam-se de opções mais saudáveis.

“Olhando para o futuro, estaremos revisando todos os aspectos de nossos planos estratégicos e composição de portfólio. Prevemos que nossa análise, que levará vários meses para ser concluída, levará a mudanças destinadas a melhorar nosso desempenho operacional ", afirmou o chefe financeiro da companhia, Anthony DiSilvestro, em comunicado divulgado nesta sexta-feira.”

“Nós planejamos discutir o resultado desta revisão quando nós apresentarmos os resultados do quarto trimestre e ano completo no final de agosto.”

A companhia reestruturou seu sistema em 2015, reorganizando três setores diferentes. Como resultado, a unidade francesa da Campbell foi formada, mas a marca em si enfrentou vários problemas que afetaram em geral as vendas orgânicas da companhia por dois anos. A companhia até elegeu Luca Mignini como chefe operacional para supervisionar e controlar os setores.

 

Morrison esteve com a Campbell por sete anos. Entretanto, nenhuma razão adicional foi divulgada em relação à saída do agora ex-CEO da companhia de sopa.

No momento, o ex-CEO da Electrolux, Keith McLoughlin, foi nomeado como CEO atuante da companhia.

 

Resultados de Ganhos

FSMNews

A companhia, Campbell Soup, também conhecida como simplesmente Campbell"s, é um fabricante americano de sopas em latas e produtos relacionados que são vendidos em 120 país em todo o mundo.

Além disso, Campbell Soup anunciou também seus resultados do terceiro trimestre com uma queda de US$ 393 milhões para US$ 1,31 por ação em uma base anual. Isto foi atribuído predominantemente à cobrança de US$ 619 milhões relativos a Campbell francesa registrados durante o trimestre.

Também durante o período, as vendas líquidas viram um aumento de 15% que teve raíz do efeito tardio da aquisição recentemente realizada da Snyder’s-lance.

 

Mais ainda, o lucro antes dos juros e impostos (EBIT, sigla em inglês) registrou um declínio de US$ 475 milhões que que contou com os efeitos das despesas com desvalorização de US$ 619 milhões correlacionadas ao segmento fresco da Campbell.

No quarto trimester, nós fizemos alguns progressos contra as nossas prioridades principais. Nós completamos a aquisição da Snyder’s-Lance, ampliando substancialmente nosso portifólio nas categorias de rápido crescimento de lanches, e nós fizemos algum progresso em estabilizar as vendas de sopa nos EUA. Entretanto, nós não estamos satisfeitos com nossos resultados financeiros. Nosso desempenho tem sofrido impacto tanto por desafios relacionados à execução quanto externos. Nós estamos tratando estes desafios com urgência renovada.” Acrescentou DiSilvestro.

FSM News é um site de notícias atualizado diariamente sobre os acontecimentos no mercado de ações, os reinos financeiros e a economia mundial. Inscreva-se para se informar mais sobre o campo em que você vai participar. O FSMNews está aqui para você.