FSM News

A empresa indonésia de carona paga, Go-Jek, revelou na quinta-feira seus planos de entrar em quatro novos mercados sul-asiáticos nos próximos meses, alimentando assim a competição em um dos mercados de consumo regionais de mais rápido crescimento no mundo.

 

A companhia, sediada em Jakarta, declarou que irá investir US$ 500 milhões para entrar no Vietnã, na Tailândia, em Cingapura e nas Filipinas dentro dos próximos meses. O dinheiro será gasto na contratação de pessoal e pagamento de subsídios para atrair motoristas e clientes, de acordo com o presidente da companhia, Andre Soelistyo.

 

Soelistyo disse que eles acreditam que as soluções que eles fornecem na indonésia poderiam ser convenientes para alguns destes países.

 

A mudança da Go-Jek preenche o vazio deixado pela empresa americana Uber, acompanhando sua decisão em março de comercializar seu negócio no sul da Ásia por uma participação de 27,5% em sua concorrente Grab, que resultou na sua saída da região.

 

A Go-Jek pretende, inicialmente, começar com a oferta de seus serviços de caronas pagas antes de apresentar seus demais serviços que fornecem em seu país, de onde evoluíram inicialmente de um negócio de entrega de comida com motocicletas e pagamentos móveis.

 

A Go-Jek operará unindo-se com empresas locais para permitir que suas equipes locais estabeleçam suas próprias marcas e identidades, e também para garantir uma forte fundação em cada novo mercado. Ela atualmente está em conversas com órgãos reguladores e outros stakeholdrers pela região para iniciar os planos.

 

Go-Jek Vai Competir com a Grab

 FSMNews

Os planos da Go-Jek de expandir em Cingapura significam que ela teria que competir com a Grab, que atualmente domina o mercado de caronas pagas no sudeste da Ásia.

 

A Go-Jek é amplamente reconhecida como a líder de mercado na Indonésia, mas a Grab lidera o resto do sudeste da Ásia, por conta de seu acordo com a Uber. A empresa, sediada na Malásia, tem operação em oito países da região.

 

As duas companhias já estão competindo na Indonésia, onde a Grab está tentando expandir sua presença não oferecendo serviços de corridas compartilhadas, mas expandindo seus negócios adjacentes que são similares aos do Go-Jek, incluindo entrega de comida e pagamentos móveis.

 

A Grab também modificou sua oferta para se adaptar a diferentes mercados, introduzindo riquixás motorizados para locação em Comboja e riquixás nas Filipinas.

 

Cofundador e diretor executivo, Anthony declarou em abril que eles esperam impulsionar sua posição no mercado nacional de corridas compartilhadas e entrega de comidas para facilitar a aquisição de clientes do serviço financeiro através de promoção cruzada.

 

Um porta-voz da Grab disse que a companhia continuará com o foco de melhorar seus serviços para os clientes do sudeste asiático e manter-se em cima com a competição.

 

Ao invés de ver a posição da empresa Grab nos mercados do sudeste Asiático como uma desvantagem, Soelistyo viu isto como uma oportunidade para os usuários e outros stakeholders nos novos mercados receber a Go-Jek mais prontamente, uma vez que isto os dará outra opção de escolha.

 

Soelistyo declarou que a oferta do serviço seria melhor por causa da competição, conforme pressionará todos os participantes a fornecer a melhor experiência de consumo, o que será vantajoso para os clientes.

 

O FSMNews fornece informações atualizadas sobre forex, commodities, ações, tecnologia, economia e muito mais. Inscreva-se agora no FSMNews e fique atualizado com os últimos eventos do mercado.