FSM News

 

A Uber recentemente anunciou seu novo diretor geral regional britânico para a Europa do Norte e do Leste. A decisão vem após a companhia enfrentar pressões tremendas contra os atuais problemas de licença em Londres.

 

A companhia vem tendo o momento mais difícil no país, na medida em que continuam a brigar com os reguladores de transporte locais de Londres. Agora, a Uber está buscando fazer uma grande mudança conforme se aproximam da segunda metade do ano.

 

De acordo com a companhia, Jamie Heywood assumirá a posição de diretor regional para Europa do Norte e Leste. A implementação está prevista para acontecer próximo mês, e o mercado pode esperar que Heywood assuma a posição imediatamente.

 

Heywood foi bem popular enquanto diretor de eletrônicos na Amazon. O vice-presidente da Uber e diretor geral regional na Europa, e Oriente Médio e África, Pierre-Dimitri Gore-Coty, também observou que “a liderança de Jamies também será crucial conforme implementemos as principais mudanças através da Europa, incluindo mais dispositivos de segurança, melhorias para motoristas e uma nova abordagem para parceria com novas cidades”.

 

O novo diretor geral buscará a corte de autoridade de transporte de Londres, Transport for London, ou mais conhecida como a TfL. Os reguladores retiraram a licença de operação da Uber no último ano e a principal tarefa de Heywwod é afligi-los com seus apelos.

 

De acordo com o TfL, a companhia falhou em reunir os requerimentos regulatórios designados. As demandas foram feitas depois que uma mão cheia de sérios relatos criminais e ofensas, que envolveram os motoristas da companhia inundaram a cidade.

 FSMNews

Regras e Regulamentos do Uber

 

Como um recurso, a companhia anunciou várias medidas de segurança no Reino Unido no início deste ano. Ano passado, uma petição da companhia incluindo a classificação de seus motoristas foi descartada. De acordo com os reguladores, os motoristas deveriam ser tratados com trabalhadores formais da companhia.

 

A regulação vem em meio de uma erupção de empregabilidade autônoma e trabalhos de freelancer no país. A era digital conseguiu abrir uma montanha de chances e oportunidades para estes tipos de carreiras.

 

Além disso, a companhia também foi posta a apelar às regras da Corte Europeia de Justiça. A corte definiu ano passado que a companhia está classificada como uma empresa de transporte, na medida em que se opôs a sua classificação de companhia digital.

 

A Corte Europeia de Justiça também mencionou que a Uber precisa mudar sua classificação para tal e que seja regulada como uma companhia de transporte, que é o que eles são.

 

Siga o FSM News para sua atualização de mercado 24 horas por dia! Nós fornecemos as últimas notícias sobre forex, commodities, automobilismo, consumo, finanças, economia e tecnologia. Nunca perca nenhuma novidade! Inscreva-se agora!